Translate

sábado, 6 de agosto de 2011

A torcida extrapolou!

Como torcedor do Fluminense, eu reprovo a atitude dos supostos tricolores que perseguiram o atacante Fred pelas ruas de Ipanema, após encontrá-lo num bar bebendo com amigos. Isso é o cúmulo da invasão de privacidade e do desrespeito. O jogador, assim como qualquer outra pessoa, tem o direito de fazer o que quiser nas horas de folga.

Se a bebida está atrapalhando o desempenho do Fred em campo (e eu acho que está há muito tempo), cabe à torcida protestar no estádio para que a diretoria o mande embora.

É bom lembrar, porém, que Fred é o maior craque contratado pelo Fluminense desde Rivelino. E teve participação decisiva no título brasileiro de 2010.

O pior é que muito jornalista, principalmente no rádio, criticou apenas o fato de o Fred estar bebendo, e não a conduta dos torcedores. Foram até escarafunchar a conta da mesa dele e descobriram inacreditáveis 60 capirinhas de saquê. Tudo bem, seriam oito pessoas, mas entre elas estavam quatro mulheres, que teoricamente bebem menos, e outro jogador, Rafael Moura, que jura de pés juntos ser abstêmio. É muita caipirinha para quem teria que jogar dois dias depois. Agora, perseguir o cara pela rua é ridículo e contra a lei, tanto que ele deu queixa na delegacia.

O que acontece no Fluminense é mais profundo. Os jogadores não respeitam a diretoria. Conto as dezenas de craques que no Flu não estavam nem aí e, quando foram para outros clubes, arrebentaram. Leo Moura é um belo exemplo: passou um ano no tricolor e não entrou em nenhuma dividida. Agora, no Flamengo, vai na bola como um faminto avança num prato de comida. Isso é o resultado de um clube onde o patrocinador manda mais que o presidente e os contratos e verbas são mais importantes que as três cores que traduzem tradição.


ENQUETE
Para 33% dos leitores deste blog, Ronaldinho Gaúcho merece uma nova chance na seleção brasileira. Segundo eles, o craque pode se motivar e até mesmo jogar a próxima Copa do Mundo.

Outros 22% acham que Ronaldinho deve ser convocado novamente porque vem jogando muito bem no Flamengo, independentemente de estar ou não no time de 2014.

No entanto, 32% dos leitores do Rio Acima acreditam que a vida noturna do jogador não o credencia para mais uma convocação. E outros 16% dizem que ele não deve ser mais chamado porque estará muito velho em 2014.

6 comentários:

  1. Caro Marcelo. Se voce fizer a conta considerando a margem de erro, vai ver que eh mais ou menos a proporcao de torcedores do Mengao no Rio contra a turma do arco-iris. Nao tem jeito, futebol eh paixao e por isso e por sua imprevisibilidade (ver Santos e Flamengo) eh o esporte mais popular do Mundo. Se fosse possivel votar so com a razao daria mais de 90 por cento facil pelo que o gaucho ta jogando.

    ResponderExcluir
  2. Também acho que ele deve ser convocado, Alexandre.

    ResponderExcluir
  3. Eu acho um absurdo o que esses "pseudo-torcedores" (= são maginais mesmo) fizeram com o Fred. Torcedor de verdade protesta no estadio e não nas ruas e perseguindo jogador. Isso é uma covardia.
    Estou curioso se o gaúcho Mano vai ter coragem de reconvocar o Ronaldinho. Tenho minhas duvidas e eu tambem votei contra pois o R10 me parece ser um daqueles tantos que só jogam bem em clube e na seleção neca de pitibiriba. Acho que o tempo de seleção dele ja passou.

    ResponderExcluir
  4. Mas, Roland, Ronaldinho jogou bem em 2002 na Copa...

    ResponderExcluir
  5. O Roland eh mais um da turma do arco-iris, afinal Neymar e Ganso ja jogaram bem na selecao???

    ResponderExcluir
  6. Eu acho que a seleção do Ricaço Teixeira é que não merece mais uma chance do Ronaldinho Gaucho.
    Que deixem ele jogando no Flamengo e convoquem aqueles rapazes exóticos do Santos ou jogadores desconhecidos de times também desconhecidos de países com nomes estranhos.
    Aliás com relação a essa seleção minha dúvida é quem será o próximo técnico, certamente um que também convoque "craques" de certos empresários.

    ResponderExcluir