Translate

quarta-feira, 10 de abril de 2013

O lixo ocidental

A prefeitura do Rio decidiu multar quem for flagrado jogando lixo no chão.

Tudo bem, já que não se consegue educar um povo, é preciso pegá-lo pelo bolso mesmo. E a pessoa que suja as ruas é a mesma que reclama das enchentes causadas por bueiros entupidos... de lixo.

Mas que multa merece essa prefeitura por recolher o lixo reciclável separado por tanto esmero pelos moradores do meu bairro e jogar num caminhão que prensa tudo?

Foto: Marcelo Migliaccio
Enigma: isso é coleta seletiva?
De que adianta separar alumínio de vidro e de papel se tudo vai virar uma massaroca só no caminhão? E pilhas e baterias misturadas a embalagens retornáveis?

Esse é o procedimento correto? Como separam tudo depois? Uma esteira inteligente e sensível? Isso é que é esteira!

E ainda tiveram a cara-de-pau de pedir, em folhetos distribuídos, que cada material fosse separado por nós em sacos transparentes...

"O material ofertado para a Coleta Seletiva deve ser acondicionado em sacos plásticos transparentes para que o Gari possa visualizar o seu conteúdo bem como detectar a possível presença de material orgânico, contundente e perfurante no seu interior."

Para quê?

O pior não é a Companhia Municipal de Limpeza Urbana fazer isso. O pior é ela fazer isso ainda na rua, diante dos nossos olhos sem maiores explicações.

Divulgação
Pra mim, o caminhão é esse...


12 comentários:

  1. Prezado Marcelo, a cada blog que você posta, é monstrada a visão realistica dos fatos. Parabens, mais uma vez. Pois R$ 157,00 doí no bolso de qualquer um. Mas para onde vai está grana? Pois já monstraram a maquininha, alguem tem que pagar pela engenhoca.

    ResponderExcluir
  2. É, Marcelo... as "otoridades" pensam que a gente é imbecil.

    ResponderExcluir
  3. Uma medida radical mas correta. O bolso eh a parte mais sensivel do corpo...
    Para valer, a prefeitura tem a obrigacao de instalar lixeiras (nao essas lixeiras de brinquedo que ficam cheias com dois guardanapos) em todas as esquinas das (pelo menos) ruas mais movimentadas e coletar regularmente do contrario isso que a prefeitura esta querendo fazer seria apenas uma grande sacanagem. Apenas uma maneira de arrecadar mais dinheiro do cidadao.
    Quanto a coleta seletiva sera que essa lei, entrando em vigor, permitiria ao povo multar a prefeitura pela sua incompetencia???

    ResponderExcluir
  4. O troféu Sugismundo vai para o prefeito, pois a sua Comlurb limpa de um lado e suja de outro, basta ver o resíduo fétido de lixo que seus caminhões derramam pelas ruas.

    Ainda tem o grave problema de lixo reciclado, apontado sabiamente pelo Marcelo, que infelizmente eles juntam tudo em um mesmo caminhão.

    Cury

    ResponderExcluir
  5. Para qualquer lugar que olhemos em iniciativas estatais, em seus três níveis, contatamos incompetência, corrupção, pouca ou nenhuma importância com os contribuintes, nós, a população. Pior, que sempre pode piorar.

    ANTONIO CARLOS

    ResponderExcluir
  6. Em Fóz do Iguaçu PR onde passei 10 dias no feriado de carnaval, numa vila próxima à Itaipu, chamada vila "C".
    Os moradores separam o lixo reciclável e o caminhão passa e leva para o barracão e, sobra pouco lixo sujo para coleta.
    Sergio.

    ResponderExcluir
  7. Infelizmente os pais emporcalham as ruas e, assim, com este vandalismo , ensinam os filhos a fazerem o mesmo. Para os que sujam as areias das praias atirando latas, canudinhos, sacos de biscoitos, palitos de picolé e infinitas tranqueiras, deveria haver prisão perpétua rsrs...a natureza não merece ser estuprada pela escrotidão humana. A cidade não é suja...os habitantes sem civilidade (lamentavelmente a grande maioria, parece) é que não a respeitam e deixam-na imunda.
    Marcos Lúcio

    ResponderExcluir
  8. Marcelinho, inclua na coleta seletiva um item EXTREMAMENTE perigoso e acho eu,
    até irreciclavel, pois até sua incineração causa danos a atmosfera e meio ambiente.
    É o politico Brasileiro...
    Adoraria pelo menos em filme ver esse dia chegar, deles serem recolhidos no lixo.

    Vc conhece, www.carlos.marighella.nom.br, do seu colega jornalista, Paulo cannabrava?
    Muito bom, merece ser divulgado.
    Abraço, Torelly




    ResponderExcluir
  9. MP pediu suspensão da função pública do prefeito do Rio. Além de indenizações em duas ações, estensivo a um secretário, totalizando 600 milhões em danos morais a sem-teto usuários de crack (maioria de usuários de crack, primeio não tinha teto, não tinha nada, depois, uma parte se viciou. Dizer perdeu tudo pro crack creio é mais uma mentira. Inversão de causa e efeito.) recolhidos a abrigos. Comlurb, segundo promotor, foi utilizada pra dar fim nos pertences das pessoas durante ações. Seria a meu ver grande vitória social o impedimento do 'político' (entre aspas porque não considero política o quê se faz nesse país e desse país. O quê rola aqui é o que fizeram da política e não a verdadeira política). Seria surpreendentemente justo. Afinal, que mau servidor público espera perder mandato por subjugar miseráveis de rua? Drum

    ResponderExcluir
  10. Heleno Barroso Silva15 de abril de 2013 06:32

    Marcelo

    Sou fan de sue coragem, seu leitor. A explicacao que li, dada por uma autoridade, foi de que ao recolher o lixo reciclavel, o caminhao e preparado para dar uma prensa mais leve, diminuindo o volume sem dificultar o trabalho de reciclagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Heleno, mas e os vidros? Pelo barulho que o caminhão faz, a prensa não parece ser tão leve. Valeu pela explicação. Abraço

      Excluir