Translate

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Esse filme vale a pena!

Quer ver um filme lindo?

Cheio de sensibilidade?

Que mostra o quanto a educação é contaminada pela hipocrisia?

E o quanto os educadores e os pais são despreparados para a mais importante das tarefas?

Um filme com um roteiro sem gorduras a cortar?

Muito bem dirigido?

Com crianças que interpretam ao nível dos melhores atores do planeta?

Então não perca O que traz boas novas.



7 comentários:

  1. Assistindo o trailer, dá para perceber que o filme deve ser bom, no final de semana vou procurar um para ver com meu filho.
    Valeu pela dica.
    Cury

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E olhe que o trailler não foi dos mais felizes em relação à força do filme. Abraço

      Excluir
  2. O que dizer de uma produção ganhadora de 28 prêmios e ainda uma dezena de indicações, entre elas a de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2012?... sendo que isto significa por mérito e justiça.Imperdível para quem ainda conserva um mínimo de humanismo. Considero, igualmente, imperdível, outro: A CAÇA...não por acaso, possuem essência similar, ou seja: educação... que refuto como o mais do mais. Só tenho tempo, quase sempre, para filmes desta categoria (consciência das minhas precariedades rsrs), sem desmerecer os demais. Tem de ter tudo para todos.
    Marcos Lúcio

    ResponderExcluir
  3. Adoro filmes em que crianças roubam a cena, como em o Pequeno Nicolau, e também daqueles em que os mestres são mais do que tomadores de lições, como em Sociedade dos Poetas Mortos.

    A boa nova que nos traz hoje certamente deve valer o ingresso.

    Mas do que o trailler, a foto dos cachorrinhos chamou atenção, pela doçura e fragilidade da imagem, tal qual a do recém-nascido que foi nos visitar e o vídeo do também recém-nascido chinês retirado de um pedaço de tubulação hoje. O nosso visitante chegou aos 7 meses, de parto normal, no meio do corredor do hospital, no seu tempo e sem dar tempo a mais ninguém. Duas semanas na incubadora foram suficientes pra ele. Foi presentear o pai que hoje completa 33 anos e mostrou a cada um de nós o pequeno Bernardo, como o mais importante dos troféus.

    O chinesinho berrou até ser retirado, sem ferimentos, do pedaço de cano.

    Os cachorrinhos, por ora, ainda encontram quem os alimentem.

    Frágil e forte;. Aluno e mestre;. Em algum momento da vida, somos todos.

    ResponderExcluir
  4. Também assisti e assino em baixo.

    ResponderExcluir