Translate

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Direita volver!

Como votarão no segundo turno os eleitores de Pedro Paulo, Indio e Osório? Freixo vai precisar de todos eles para tirar a diferença da dobradinha Crivella-Bolsofilho (1 milhão e 300 mil votos). Até agora, numa previsão otimista, Freixo tem os 101 mil dados a Jandira e os 42 mil de Molon. Juntando com seus 553 mil... falta muito.

É bom lembrar que 1 milhão e 800 mil cariocas, votaram em branco, anularam ou nem saíram de casa.


Será que aquele vídeo do bispo Macedo contando dólares no chão e mostrando a língua para a câmera vai resolver a parada desta vez? Espero estar enganado mas não vejo grandes chances de o Freixo vencer esta eleição. A onda direitista é nacional e deve pegar também o Psol. Investir em quem não votou no primeiro turno (42%) seria um bom caminho se essa turma não fosse, por natureza, refratária a ideologias, ainda mais as de esquerda. A lavagem cerebral fascista feita pela mídia privada foi tristemente eficiente.

Pela expressiva votação recebida pelos candidatos de direita no Rio, Freixo precisaria de muita ajuda da Globo para derrotar Crivella. E, mesmo sendo ele representante de uma empresa concorrente, sabemos como é difícil para qualquer capitalista apoiar um socialista.

Sem ressentimentos, vamos tentar colocar o PSOL no poder pra ver quantos dias dura o purismo deles. O partido fez seis entre os 51 vereadores do Rio. Estou ansioso para ver Freixo, se eleito, conseguir maioria para aprovar seus projetos. Quero ver sua aliança programática com Cesar Maia, Carlos Bolsonaro, Jorge Felippe, Jairinho, Bispo Inaldo Silva, Carlos Caiado, Rosa Fernandes, Chiquinho Brazão...

Aí ele vai ver como a banda toca.

Carlos Bolsonaro foi o vereador mais votado no Rio. Comemorar a saída do PMDB da prefeitura do Rio é como vibrar com o gol do Brasil naqueles 7 a 1 da Alemanha. Seu irmão, também ultra-direitista, teve 15% dos votos para prefeito. Numa cidade como o Rio é mais do que preocupante.

A divisão da esquerda não é o problema. O problema é que quase 70% do eleitorado votou nos candidatos de direita.

Resumir numa frase o que disse a "voz das urnas"? Heil, Hitler!

Em Curitiba, capital do golpe, o candidato que disse vomitar com cheiro de pobre foi o mais votado. E a eleição de João Dória Jr. em São Paulo fala por si. Para os cariocas que não o conhecem, é como se Leleco Barbosa fosse eleito prefeito do Rio.

Parodiando H.L. Mencken, hoje no Brasil a democracia é a arte de administrar o circo a partir da jaula dos gorilas.

Mas ninguém deve se desesperar. Tudo é cíclico. Agora a direita entra, faz um monte de merda e depois a esquerda volta pra fazer outro monte. Cabe a nós apenas sobreviver a eles.



Foto: Marcelo Migliaccio




4 comentários:

  1. A situação está ruim, mas cariocas como a gente sabem que em nosso circulo de amizade não tem tanto fascista assim. Sem contar com a grande massa que só assiste a globo e acha que a eleição não é assunto para o povo. Então é tentar fazer ver a quem não votou o risco que é entregar a cidade mais bonita do Mundo na mão de fundamentalistas e fascistas. Pelo menos nos daria um fio de esperança saber que teríamos um prefeito decente, mesmo com toda a dificuldade que terá em governar com essa bancada ridícula que foi eleita.

    ResponderExcluir
  2. menos pessimismo, MM, please, vamos ver o copo meio cheio e não quase vazio.
    Freixo no 2o. turno foi a melhor notícia desses últimos tempos.
    mesmo que não emplaque, vai no mínimo forçar uma voz progressista nos
    intervalos de novela.

    ResponderExcluir
  3. Parte da culpa dessa derrota da esquerda deve-se a divisão que fazem, se fossem unida, obteriam mais votos.
    Com Crivella é aquela velha história, nas igrejas dele a máxima é: Tudo que seu mestre mandar, faremos todos...dessa vez os pastores-mestres mandaram votar nele.

    SP é o túmulo do Samba e da política.

    Curty

    ResponderExcluir
  4. Voce sintetizou a "politica" brasileira nessa sua frase: "Mas ninguém deve se desesperar. Tudo é cíclico. Agora a direita entra, faz um monte de merda e depois a esquerda volta pra fazer outro monte. Cabe a nós apenas sobreviver a eles." Perfeito!

    ResponderExcluir