Translate

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Mocinhos e bandidos

Colocar o Estado Islâmico isoladamente como um bando de loucos disposto a acabar com o Ocidente é muito cômodo. São eles os vilões planetários? Chegaram num disco voador?

A violência não vem de fora, dos confins do deserto, ela está entre nós, faz parte de nós, nos impregnou irremediavelmente, nós a disseminamos diariamente com gestos, palavras ou pensamentos, somos todos pais e mães do radicalismo e da barbárie.

Excluímos milhões do sistema produtivo e da renda, nossas corporações matam rios inteiros em questão de minutos, as instituições estão corrompidas, roubamos verba de merenda escolar e de hospital, ensinamos sexo, consumo e violência às crianças, não respeitamos resultado de eleição e nem sinal vermelho, nosso esporte mais popular permite chutar o rosto de um oponente caído, mata-se nas ruas por um real, esfaqueia-se, esbofeteia-se, manipula-se notícias descaradamente, juízes vendem sentenças, PMs jogam meninos de rua do penhasco, mendigos são queimados vivos, fascistas perseguem refugiados de guerra, o desemprego mundial joga multidões nas trevas, as geleiras do pólo derretem, os CEOs das multinacionais esburacam a camada de ozônio, a água potável está no fim, estupro é o crime da moda...


E o problema é o Estado Islâmico.

6 comentários:

  1. Verdades oportunas e convenientes, para a vida como ela é , de fato.É isso aí, lamentavelmente...

    ResponderExcluir
  2. Então, poderia se seguir o receituário de D. Dilma: negociar (pessoalmente) com a cúpula do Estado Islâmico...quem topa ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao vai funcionar... Mesmo com interpretes nao vao conseguir entender o que ela fala...

      Excluir
  3. Qualquer atitude que mantenha o Brasil livre de ataques terroristas deve ser aplaudida. Já temos problemas demais aqui com tucanos e outros golpistas tentando destruir a democracia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Algo mais ou menos assim: Vamos dizer para esses terroristas (que alem de cotar pescocos afogam, queimam prisioneiros usam as mulheres dos lugares que conquistam como escravas sexuais entre outras barbaries) que nos trilhamos por uma solucao politica, por meio de muitas reunioes e trocas de ideias. Ai, eles vao continuar matando inocentes em outros lugares mas pouparao a nossa covarde nacao... Que bonito!

      Excluir
  4. Por essas e outras que muita gente festejou o maior ataque terrorista da historia: A queda das torres gêmeas.

    ResponderExcluir