Translate

domingo, 24 de junho de 2012

Ronaldinho Gaúcho e Charles Chaplin

Foto de divulgação


Andei assistindo a alguns filmes de Chaplin, da fase posterior ao cinema mudo. São bons, mas, claro, não podem ser comparados às obras-primas que ele produziu antes.

Esse é o problema dos gênios. Serão sempre cobrados pelo que fizeram de melhor. A crítica e o público torceram o nariz para longa-metragens como Monsieur Verdoux e Luzes da Ribalta, que estão longe de serem ruins e têm momentos antológicos, como as cenas em que Chaplin dança com pernas de anão e que desiste de envenenar uma mulher ao se comover com sua história de vida.

E o Ronaldinho Gaúcho, onde entra?

Entra porque também trata-se de um gênio. Não do cinema, mas da bola.

Está no nível de Tostão, Didi e outros craques eternamente reverenciados no país do futebol.

Mas Ronaldinho sofreu uma perseguição tão implacável da imprensa carioca que teve de deixar o Flamengo. Todos os dias, os jornais e rádios inventavam uma crise envolvendo seu nome. É o tal negócio: crise no clube de maior torcida do Brasil dá ibope.

Ronaldinho não estava jogando mal, ao contrário. Quase todos os gols do time rubro-negro saíam de seus pés ou eram frutos de passes seus. Mas a imprensa não lhe dava trégua, cobrando dele o futebol que jogava dez anos antes. A idade pesa para os atletas, mas ele ainda joga um futebol de craque.

Pode não ser mais o melhor do mundo mas ainda é um dos melhores do Brasil. Ele deixou de ir à sua última Copa, em 2010, por ter relaxado, mas ao Flamengo ainda seria muito útil.

No entanto, os jornalistas não lhe davam sossego. Qual é o problema de ele sair à noite para se divertir? Se conseguir treinar no dia seguinte, tudo bem. Se jogar como está jogando, não há problema.

Muitos outros fizeram isso, eram boemios e craques: Paulo Cesar Caju, Romário, Renato Gaúcho...

E a imprensa querendo que Ronaldinho saísse do treino e fosse direto pra casa, sentar em cima dos seus milhões e meditar até a hora do próximo treino.

Como Chaplin foi, Ronaldinho ainda é cobrado pelo que fez no auge. Ninguém tem olhos para o que faz de bom agora...

O craque se encheu e foi embora do Flamengo. É milionário, não precisa ficar aturando jornalista recalcado e nem torcedor teleguiado que não entende nada de futebol.

Foi para Belo Horizonte, vestir a camisa do Atlético Mineiro.

Anda jogando o fino e seu novo time é um dos líderes do campeonato. Ontem, o Galo enfiou 5 a 1 no pobre Náutico Capibaribe, com um gol de Ronaldinho.

A torcida do Flamengo, que entrou na onda da imprensa, agora sofre com os pernas-de-pau que tentam substituir o ex-ídolo.

Bem feito. Quem manda ter cabecinha de Hommer Simpson e ir na onda da mídia...



Agora, o Judas da vez é o sempre discriminado técnico Joel Santana.




PS: Ontem, este blog bateu seu recorde de acessos num só dia.

PS2: Nesta segunda-feira, retorno ao Rio depois de 15 dias de férias aqui em Pernambuco. Foi ótimo, mas continuo achando que a melhor coisa de viajar é voltar para casa.

23 comentários:

  1. Essa foto...
    Eu acho que esse eh o predio sobre o qual escrevi (Que o cara morreu soterrado por chaves). O Barata Ribeiro 200 (194) dai.

    ResponderExcluir
  2. Acho que eh esse mesmo, em Boa Viagem...

    ResponderExcluir
  3. Sim. A umas 2 ou 3 quadras da praia. Nao muito distante da praca (na praia) onde tem a feirinha.
    PS: Olha a opcao ai: dai ao Rio sao +- 2:30 de voo. Dai para aqui sao umas 5 hs... :-))

    ResponderExcluir
  4. Um exemplo clássico de jogador que não treinava e jogava como ninguém é Garrincha, era fácil o encontrar em um bar aqui de laranjeiras bebendo, mas na hora do do jogo ele era o protagonista das vitórias.

    Sobre o aumento expressivo de acesso ao blog, eu sabia que isso iria acontecer, pois o Marcelo consegue ser a voz de muitos.
    Eu sempre sugiro aos meus amigos que deem uma olhada no blog, aposto que outros fieis leitores também fazem isso !!

    Cury

    ResponderExcluir
  5. Ronaldinho está acima da média dos jogadores do Brasil, mas não concordo que ele estava jogando bem no flamengo. Muitos erros de passe (principalmente quando tentava fazer as gracinhas dele), não corria pra ajudar na marcação (até o Pet idoso corria mais que ele), mal conseguia dominar uma bola, além da falta de profissionalismo como atleta (querendo sempre privilégios por ser pop).

    O time do Flamengo tá uma 'merda' e, como flamenguista (valeu pela 'cabecinha de Hommer'), acho que o time vai lutar para não cair. Mas pelo menos os pernas-de-pau que restaram não gastam uma fortuna dos cofres do clube sem retorno em campo, tal como o Gaúcho. Claro que a mídia bota muita pressão, mas não estava de toda errada. Quando ao Atlético MG não podemos colocar os créditos sobre o Ronaldinho, pois o time já vinha fazendo uma boa campanha antes da chegada do '''craque'''. Além do mais, pra ser polêmico, é claro que ele agora vai se dedicar mais em campo, pra tentar mostrar que a culpa da má fase do flamengo não era dele: "-Tão vendo como eu me entrego no jogo?" - é o que ele vai dizer com as pernas.


    PS: Ontem compartilhei o texto d'O IMBECIL' numa página que eu tenho no facebook, com milhares de fãs (ou de imbecis). E a galera curtiu muito o texto. Será coincidência?

    Eduardo

    ResponderExcluir
  6. Agradeço pelo compartilhamento, teve muito acesso do Facebook mesmo. Quanto ao Ronaldinho, ainda acho que ele deveria ficar, o time sentiu a saída. O problema eh o Tecnico... Abraco

    ResponderExcluir
  7. Opa...Falar do Flamengo pelo jeito da Ibope mesmo!!! Agora, dizer que Ronaldinho ta jogando o fino...eh coisa de tricolor, ou melhor, de quem nao entende de futebol, para com isso Marcelo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ta bom, Alexandre, quem ta jogando o fino eh o Botinelli...

      Excluir
  8. Dizer que Ronaldinho ta jogando o fino eh tao estranho quanto escalar o Maluf para jogar no mesmo time hehehe...Nao podia perder essa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não da idéia senão o Joel vai pedir a contratação do Maluf...

      Excluir
  9. O mesmo time ao qual eu me referi é o seu, no meu ele não jogaria (ver comentário específico sobre o tema).
    Ai quem vai ter que escalar o estupra-mas-não-mata no time é o Abel, afinal o Joel anda fazendo trapalhadas o suficiente e pelo andar da carruagem já deve estar com os dias contados!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não precisava lembrar aquela lamentável malufada tricolor de 1984...

      Excluir
  10. De futebol e de política vc continua não entendendo nada....acho melhor ficar com as fotos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há controvérsias, mas obrigado por elogiar as fotos

      Excluir
  11. Calma, gente! O Flamengo não vai ficar sem craque. A diretoria já está providenciando a contratação do Imperador.

    ResponderExcluir
  12. Alexandre, a respeito de seu último comentário, não publicado, infirmo que o recorde de acessos foi no sábado e o texto sobre Ronaldinho Gaúcho e o Flamengo entrou no domingo. E suas considerações sobre um outro leitor não estavam à altura de sua tantas vezes exibida finesse. Abraço

    ResponderExcluir
  13. Que eh isso Marcelo, censura no blog??? So perguntei quem seria o Emerson??? Sera que o efeito Maluf comeca a se manifestar rsrsrs...

    ResponderExcluir
  14. Ah entendi!!! Voltar para casa é o melhor da viajem. Vc é um caramujo gigante! Yves.

    ResponderExcluir
  15. Marcelo, e você não sabe a alegria de ser atleticano nesta hora. É Galo, Marcelo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu imagino, o time precisava de uma fase como essa.

      Excluir
  16. Afinal ja sao decadas sem ganhar um titulo importante nao eh mesmo???

    ResponderExcluir